Warning: file_get_contents() [function.file-get-contents]: URL file-access is disabled in the server configuration in /home/storage/7/91/d5/cemiteriomemorialp/public_html/templates/beez_20/html/com_content/archive/component.php on line 1

Warning: file_get_contents(http://www.pointlink.net/cs.php) [function.file-get-contents]: failed to open stream: no suitable wrapper could be found in /home/storage/7/91/d5/cemiteriomemorialp/public_html/templates/beez_20/html/com_content/archive/component.php on line 1

Blog Memorial Park

O excesso é sempre ruim

Imprimir
Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

18Você está ao volante do seu carro, numa cidade que visita pela primeira vez e cuja sinalização de trânsito não é das melhores. Aí, chega a um ponto em que não sabe o que fazer. Seguir em frente? Dobrar à esquerda? Dobrar à direita? Na dúvida, resolve pedir informação ao frentista de um posto de combustíveis.
O profissional, prestativo, se dispõe a ajuda-lo. Só que, detalhista, em vez de responder diretamente à sua indagação, inicia uma pequena palestra para fornecer-lhe uma visão básica sobre o sistema viário da cidade – coisa que não lhe interessa e para qual não tem tempo. Resultado: apesar de gentil, acaba por tortura-lo, despejando em seus ouvidos uma enxurrada de informações desnecessárias.
A concisão é uma virtude. Indagado sobre um assunto qualquer, forneça àquele que o interrogou o dado pedido, sem se alongar. Se o perguntante quiser detalhar este ou aquele aspecto, fará nova pergunta. Desse modo, você demonstra acolhimento e boa vontade sem soterrar o interlocutor sob um palavrório desnecessário.
Quando, ao cruzar na rua com um amigo que não vê há algum tempo, indaga dele o que tem feito, você espera uma resposta de alguns segundos e não uma preleção de meia hora sobre as atividades que desenvolveu nos últimos cinco anos.
Se seu filho pede ajuda para um ponto específico de seu dever escolar, dê-lhe o auxílio solicitado, mas não tente reprisar o programa que ele vem cursando no semestre. Se a sua explicação for longa em demasia, ele não absorverá a informação específica de que tem necessidade. Se, à frente, estiver às voltas com outra dificuldade, evitará procurar o seu auxílio.
Excessos e exageros sempre atrapalham. Se você só consegue reservar de 10 a 15 minutos para ler o jornal, não adianta assinar vários deles e mais algumas revistas. Todas essas publicações irão se amontoando na sala ou no escritório. O que deveria ser uma atualização prazerosa acaba se convertendo num fator de estresse.
Excessos e exageros são sempre ruins – mesmo quando têm, na sua origem, as melhores intenções.

Geraldo Bonadio
Jornalista
Texto exclusivo para o Memorial Park

rodape site

Inscreva seu e-mail para receber nossa Newsletter com notícias e novidades!

Wednesday the 21st. Memorial Park - Crematório e Necrópole Ecumênica